Querem deixar a publicidade online ou offline cada vez mais chata, mas não vão!

“Propaganda da Bombril vai parar no Conar por suposta ofensa a homens”

” Consumidores do sexo masculino ficaram ofendidos com a nova propaganda da Bombril, na qual a cantora Ivete Sangalo e as humoristas Dani Calabresa e Mônica Iozzi fazem piada com os homens. E a campanha agora será investigada pelo Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária. Embora tenham sido homens os autores das reclamações enviadas ao Conar, mulheres também criticaram a campanha nas redes sociais, classificando o comercial de “machista” na verdade, por reforçar a imagem que é a mulher que cuida da casa. (Conar). Fonte G1.com

POLITICAMENTE CORRETO PODE NÃO SER TÃO CORRETO ASSIM E PREJUDICAR UMA PUBLICIDADE ONLINE OU OFFLINE

O politicamente correto (ou correção política) se refere a uma suposta política que consiste em tornar a linguagem neutra em termos de discriminação e evitar que possa ser ofensiva para certas pessoas ou grupos sociais, como a linguagem e o imaginário racista ou sexista. ( wikipédia)

Sou contra a todo ato racista, sexista  ou qualquer tipo de descriminação. Mas também sou contra aos exageros que algumas pessoas tem usar o “politicamente correto ” como uma forma de serem chatas e mal resolvidas. O exemplo do comercial da Brombril onde homens se sentiram ofendidos é um desses casos

Quando li esta matéria fiquei muito triste com os “machos de plantão” e com as “mulheres politicamente corretas”. Essas pessoas precisam ter em suas vidas um pouco mais de alegria e humor. Como diz minha mulher” ter riso frouxo”. Como publicitário não achei um comercial que vai ganhar Cannes, mas cumpre muito bem a função de informar e divertir os consumidores. Até dei um leve sorriso, nada a mais. Publicidade online como offfline informa e diverte. Como homem não me senti ofendido, pois não me considero um “diva-gar” como o texto do comercial fala. Quem se acha assim (diva-gar) que use Bombril.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *